Dra Monique Lima Endocrinologista na Barra da Tijuca

Dra Monique Lima Endocrinologista na Barra da Tijuca

Dra Monique Lima Endocrinologista na Barra da Tijuca

Dra Monique Lima

CRM : 52.95060-6

Endocrinologista

Médica

Currículo :

– Titulo de Especialista em Endocrinologia e Metabologia pela SBEM
– Membro da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia
– Membro da Sociedade Brasileira de Diabetes
– Residência Médica em Endocrinologia e Metabologia pela UFRJ, com treinamento em doenças endocrinológicas na gestação e diabetes gestacional na Maternidade Escola da UFRJ (centro de referência)
– Parecerista em Endocrinologia no Hospital Rios D’or (Jacarepaguá)

Médica

Endereço 1 : Avenida Ayrton Senna, 2.600 – Link 3 – Sala 421 – Link Office & Mall
Bairro : Barra da Tijuca – Rio de Janeiro – RJ
Telefones : (21) 3439-6287

RJ

Endereço 2 : Avenida das Américas, 2480, Bloco 2 (Victory), sala 309 – Lead Américas
Bairro : Barra da Tijuca – Rio de Janeiro – RJ
Telefone : (21) 3256-2501

 

3

O que faz um endocrinologista?

O endocrinologista é o especialista em doenças relacionadas as glândulas endócrinas e ao metabolismo. As doenças mais comuns que levam a necessidade de avaliação e acompanhamento pelo endocrinologista são as doenças da  tireoide (hipotireoidismo, hipertireoidismo, nódulos na tireoide) e a diabetes mellitus, além da obesidade. Mas existem muitos outros distúrbios que necessitam do endocrinologista, como os distúrbios do crescimento, doenças ósseas (osteoporose, osteopenia, alterações das paratireoides), alterações do colesterol e triglicerídeos, entre outras.

RJ

Endocrinologia e Tireoide

As alterações de funcionamento e da estrutura da tireoide tem sido diagnosticadas cada vez mais comumente. O funcionamento da tireoide é avaliado pelo exame de sangue com dosagens hormonais e a estrutura da tireoide é avaliada primeiramente pelo exame clínico durante a consulta médica, podendo ser complementado com ultrassonografia quando o médico considerar necessário. Essa avaliação deve ser feita sempre que existirem sintomas associados a alterações da função da glândula, tanto para a redução dos hormônios tireoidianos chamado de Hipotireoidismo (desanimo, queda de cabelo, unhas quebradiças, pele ressecada, constipação intestinal) quanto para o excesso de hormônios tireoidianos, chamado de Hipertireoidismo (palpitação, tremores, emagrecimento, diarreia), ou ainda em situações de risco no caso de pequenas alterações, como na gestante ou em quem pretende engravidar, ou tendência a desenvolver distúrbios da tireoide, como o uso de algumas medicações especificas, como a amiodarona. 

Leave a Comment

*Required fields Please validate the required fields

*

*

Menu